Em seu curto período de funcionamento, o PPGD/UFRJ já apresenta um estágio bem significativo de intercâmbios internacionais. Acreditamos, como dito anteriormente, que a maturidade e a experiência anterior de parte significativa do corpo docente é decisivo para este fato.  Para melhor visualização, iremos sistematizá-los pelas características comuns. 

 

Grupo 1. Estágio de pós-doutorado:

 

I - Manuel Gándara (Venezuela). O pesquisador encontra-se no PPGD/UFRJ com bolsa vinculado ao projeto de pesquisa e extensão Justiça Autoritária, financiado pela FAPERJ;

 

II -  Adriana Prizreni (Itália). A pesquisadora desenvolve estágio de pós-doutorado sob a supervisão da profa. Cecilia Caballero Lois, financiada com bolsa da CAPES/UFRJ.

 

Grupo 2. Professores estrangeiros no PPGD/UFRJ:

 

I - Prof. Raffaele de Giorgi, da Universidade do Salento, Itália. O professor encontra-se contrato pelo prazo de 4 anos, com verba da UFRJ especialmente para este fim.

 

II - Luciano Nuzzo (Universidade do Salaento, Italia). O professor foi contemplado com uma bolsa de professor vistante do CNPq, pelo prazo de 12 meses, prorrogáveis por mais 12.

 

III - Carlos Petit (Universidade de Huelva, Espanha). O professor encontra-se no PPGD/UFRJ através de um financiamento conjunto UERJ/UFRJ para um período de 3 meses, incluindo supervisão de pesquisa e um seminário de formação para os docentes e discentes.

 

Grupo 3 – Convênios e cooperação em efetivo funcionamento no PPGD/UFRJ, em 2014. Destacamos que alguns foram firmados em 2014, outros tiveram início em anos anteriores, mas permaneceram ativos neste ano. Listamos aqui, aqueles que tiveram atividades neste ano.

 

I. Fordham University (US). Os professores Margarida Lacombe Camargo e Eduardo Moreira encontram-se na FU. A profa. Margarida realizando estágio de pós-doutorado e o prof. Eduardo Moreira como professor convidado.

 

II. Por meio do convênio firmado com a Universidad de Castilla La Mancha (Espanha), a a professora Sayonara G. C. Leonardo ministrou, novamente em 2014, como profa. visitante, aulas em seminário especial na referida universidade.

 

III. Colaboração com a Universidade do Salento, Lecce, Itália. Tal como já foi referido, o Prof. Raffaele de Giorgi encontra-se neste momento na UFRJ, como professor visitante, onde irá desenvolver atividades de graduação e pós-graduação em Direito. A Profa. Juliana Neuenschwander Magalhães, participou de duas bancas na instituição.

 

IV – No ano de 2014, o PPGD junto a Birkbeck University of London recebeu o professor Costas Douzinas para um ciclo de palestras realizadas conjuntamente com o programa de pós-graduação em filosofia da UFRJ.

 

V - A Université Paris-Ouest Nanterre (Paris X)/Centre de Droit International (CEDIN) é outra importante parceira do PPGD. Este convênio, que vincula suas atividades prioritariamente à Linha Sociedade, Direitos Humanos e Arte, é coordenado pela Profa. Vanessa Oliveira Batista que participou de bancas e seminários na instituição.

 

VI - Universidad Pablo de Olavide Espanha . Em virtude de trabalhos desenvolvidos na área da Teoria Crítica dos Direitos Humanos, novamente, em 2014, nos meses de janeiro e fevereiro, as alunas Heloísa Melino e Raphaela Lopes foram contempladas com bolsas desta instituição e realizaram curso de formação em teoria crítica e direitos humanos na universidade.

 

VII - Sociedade Max Planck. Desde o ano de 2011, a profa. Ana Lúcia Sabadell participa como avaliadora do programa de doutorado do de Direito Penal Comparado e Internacional em conjunto com a Faculdade de Direito da Universidade de Freiburg (Alemanha). É também pesquisadora do referido instituto. Até o momento, foram realizados três eventos internacionais no marco da pesquisa supracitada (2010, 2011 e 2013) em parceria com o Alto Comissariado de Direitos Humanos da ONU. Em 2014, os professores Eduardo Moreira e Carlos Bolonha passaram a integrar as atividades.

 

VII - O projeto de pesquisa e colaboração internacional, denominado ZOGRIS - « L’évolution  des  normes   d’emploi  et  de  nouvelles  formes  d’inégalités : vers  une comparaison  des  zones grises ? » PROGRAMME  METAMORPHOSE   DES    SOCIETES

« INEGALITE – INEGALITES (Projet ANR-11-INEG-0011) a envolve pesquisadores de oito países com o objetivo de estabelecer comparações entre as diferentes formas de novas configurações do trabalho. Essas novas formas podem ocorrer pelo surgimento de novas ocupações bem como por ocupações exercidas fora da norma do trabalho assalariado. Essa zona cinzenta é responsável por significativas desigualdades entre trabalhadores quer por diferenças de condições de trabalho, salariais, de acesso aos direitos trabalhistas e de perspectivas ao longo de suas vidas laborais. A pesquisa é coordenada pelos professores franceses Christian Azais; Olivier Giraud e Dona Kesselman e no Brasil envolve as professoras da UFRJ Paola Cappellin e Sayonara Grillo Silva, da UFRGS (sociologia) Cinara Rosenfield e da UFPR (direito) Liana Maria da Frota Carleial. É financiada pela L'Agence Nationale de la Recherche. L´étude comparative explore les configurations émergentes de mise au travail au prisme de la relation d‟emploi et de l‟évolution de ses frontières. Le caractère flou, mouvant, mutant et insaisissable de ces dernières s‟impose-t-il en trait dominant de la norme d‟emploi et de la réglementation du travail aujourd'hui ? Quels sont les enjeux des zones grises qui en résultent et des interactions qui s‟y expriment pour la reconfiguration des relations au travail ? L‟éclatement de l‟unité de la norme d‟emploi, autour de la figure du salarié, interroge les dispositifs de redistribution égalitaire. Il produit des inégalités dont les traits requièrent une comparaison approfondie d‟un pays à l‟autre. Sont davantage remises en cause les catégories institutionnelles présumées comme stabilisées ? emploi, subordination, marché du travail national ? et leur efficience à mesurer les phénomènes reliés à l‟emploi.

 

 

                             

UFRJ PPGD - Programa de Pós-Graduação em Direito
Desenvolvido por: TIC/UFRJ